Uma Explicação Simples Para os Problemas do Seu Relacionamento

Atualizado: Abr 11


Eu não teria tido tantos problemas de relacionamento se soubesse disso antes...


O principal motivo do seu relacionamento amoroso não estar indo bem é um só:


Você está tentando juntar duas peças que você não conhece direito.


Veja bem, eu não estou falando que são duas peças que não se encaixam, estou falando que são duas peças que você não conhece bem. E quando eu digo “não conhece bem”, vamos substituir isso por: peças que você não sabe direito como funcionam.


Sempre que eu atendo alguém com dificuldade no relacionamento ou quando eu atendo um casal, a primeira coisa que eu faço é mostrar o quanto as pessoas não se conhecem. E eu não estou falando de conhecerem umas às outras, estou falando de não se conhecerem, não saberem como a sua mente e as suas emoções funcionam.





Se você não sabe como você funciona, como você pode se atrever a querer que o outro mude, ou pior, como você pode esperar que o outro te atenda?

Eu posso te garantir uma coisa, metade dos problemas e conflitos do seu relacionamento não precisavam existir e no momento em que você souber quais das 5 sensações básicas do seu sistema nervoso são mais sensíveis, você vai parar de exigir muito do seu parceiro e melhor, depois disso você vai poder acessar o outro respeitando as 5 sensações básicas no sistema nervoso dele.


Antes de te mostrar como é possível identificar essas sensações básicas do sistema nervoso de uma pessoa para entender os pontos fortes e os pontos fracos da mente e das emoções dela, eu quero que você anote essas sensações e já tente identificar com quais delas (pode ser mais de uma) você mais se identifica. Por enquanto pense só em você, não tente avaliar o seu parceiro, pense apenas em você. Ok?!


As cinco sensações básicas registradas no nosso sistema que a nossa mente cria formas de evitar são:


1. Rejeição,

2. Abandono,

3. Manipulação,

4. Humilhação,

5. Traição.


A verdade é que a sua mente foi programada para evitar ressentir essas sensações, que a em alguns momentos aqui eu vou chamar de dores, ok? E por que eu uso a expressão “evitar RESSENTIR” essas dores? Porque você já a sentiu com muita intensidade quando a sua mente e o seu corpo estavam se formando. E observe que aqui eu começo a colocar o seu corpo na nossa conversa porque é o formato dele que nós vamos utilizar para entender como a sua mente funciona e como o seu sistema nervoso está programado.

Sua mente funciona como no filme Divertidamente

Isso porque tanto o seu corpo quanto a sua mente foram formados durante o processo de mielinização do seu sistema nervoso.


Para o conteúdo não ficar muito longo, em outro conteúdo eu explico mais sobre como cada etapa dessa forma cada traço de caráter, e como ele molda a mente e o corpo.

Mas vamos fazer um resumo breve para você entender o quanto você não entende como a sua mente e as suas emoções funcionam e fica aí fazendo um esforço danado administrando um monte de conflitos, tentando mudar o outro e não consegue encontrar um ponto de equilíbrio no seu relacionamento, que talvez já esteja por um fio de acabar.


Preste atenção nesse processo de cinco etapas que moldou tanto a sua mente quanto o seu corpo e deixou aquelas cinco sensações registradas com uma intensidade aí que você não conhece e não está sabendo lidar.


Das cinco etapas de formação da nossa mente e do nosso corpo, a primeira começa no útero e quem passou por uma gravidez complicada, terá o traço de caráter esquizóide mais forte na mente e, sendo assim, terá um corpo mais magro, com muita energia na cabeça e pouca energia (força) no corpo.

São pessoas que geralmente usam óculos, são extremamente racionais e lógicas, não gostam de contato e falam pouco. São muito criativas, mas pouco executoras. Tem uma coisa importante de saber sobre esse traço, os esquizóides odeiam incomodar, por isso não são muito comunicativos e proativos. Quem tem esse traço de caráter muito alto não gosta de se expor e morre de medo de ser rejeitado.


Essa relação do útero com as “percepções inconscientes” do bebê se dá por conta do estado fisiológico da mãe que se altera quando ela passa por algum desconforto intenso ou um trauma na gestação e sempre que o estado emocional dela se altera, o estado fisiológico também se altera fazendo o corpo dela mandar menos sangue para o útero, deixando ele frio, duro e desconfortável para o bebê.


Cada etapa dessa tem uma explicação técnica e física/biológica, mas eu não vou entrar em detalhes aqui para o conteúdo não ficar muito longo, está bem?!


Vamos para a segunda etapa, que é quando a criança nasce, sai do útero e vai para a fase da amamentação e quem passou por essa fase “mamando demais” ou “mamando de menos”, tem o traço de caráter oral mais alto, que vai dar para o corpo um formato mais arredondado, muitas vezes com aspectos infantis e um olhar que conecta muito. São pessoas extremamente comunicativas (o nome “oral” é bem sugestivo), adoram contato com pessoas, não conseguem ficar sozinhas muito tempo, são pessoas extremamente sentimentais e morrem de medo de serem abandonadas.

A terceira etapa de mielinização da coluna, forma o terceiro traço de caráter e eu não quero que você se assuste com o nome, o traço de caráter psicopata (não estou falando daquele que você viu nos filmes e nas novelas, é apenas o nome científico) se forma quando a criança já tem controle da parte superior do corpo, ela já controla bem o tronco, mas ainda não controla bem as pernas porque a mielinização da medula ainda não desceu o suficiente. Quem tem muito desse traço de caráter vai ter o corpo em forma de triângulo invertido, maior em cima e menor embaixo, até o rosto fica triangular (queixo mais pontudo). São pessoas extremamente articuladas. Gostam de negociar, liderar e criar planos, mas não são pessoas executoras, eles preferem que os outros façam. Eles mandam muito e realizam pouco. Outra característica importante para a mente desse tipo de pessoa é que são pessoas mais frias, que não mostram seus sentimentos e não têm muita facilidade em se interessarem pelos dos outros. O grande medo dos psicopatas é se sentirem manipulados ou usados por outras pessoas.


Já está se identificando aí? Lembre-se de não ficar tentando entender o seu companheiro, concentre-se em você por enquanto. Ok?

Vamos então para o quarto traço de caráter que se forma na nossa mente e fica registrado no nosso sistema nervoso enquanto o nosso corpo se desenvolve: o traço de caráter do masoquista (também não é aquele dos filmes). Ele se forma durante a fase do desfralde, quando a criança ainda não tem o controle do esfíncter anal e se sente humilhada por fazer cocô nas calças e receber uma bronca e uma reprovação na frente de outras pessoas. Pessoas com o traço de caráter masoquista muito alto têm o formato do corpo mais quadrado, preparado para suportar peso e guardar coisas dentro de si. Elas têm o formato do bumbum bem amassado e trancado, em muitos casos trancado com tanta força que faz com que os pés se abram quando a pessoa fica parada. Tudo isso para evitar “fazer merda”, por isso são pessoas extremamente metódicas e atentas aos detalhes. São pessoas mais lentas, porém, muito fortes e constantes. Emocionalmente são pessoas sensíveis (que sentem), mas que não demonstram, elas guardam tudo dentro de si. O maior medo de um masoquista é falhar e ser exposto, pois isso fará com que ele se sinta muito humilhado.

O último traço que se forma é traço de caráter rígido, e quando o assunto é relacionamento amoroso e sexualidade esse traço é extremamente important